sábado, 21 de novembro de 2009

Entrevistaexclusiva da Kristen e do Taylor no Brasil

Era dia de sol quente na cidade de São Paulo quando Kristen Stewart e Taylor Lautner acordaram para mais uma maratona de entrevistas com a imprensa. Em turnê de divulgação - sem parada para respirar - de Lua Nova, o novo filme da saga Crepúsculo, os atores estiveram no Brasil no dia 1º de novembro e, sem escutar o coro das centenas de fãs que estavam do lado de fora do hotel, cederam esta entrevista exclusiva ao Terra, numa conversa sobre lobos, tubarões, temperaturas quentes e frias e, claro, a indústria de fofocas.

Primeira pergunta ao Taylor. Você começou no cinema como um menino-tubarão (no filme Sharkboy e Lavagirl), e agora você é o mais popular garoto-lobo do pedaço. Então primeira coisa, você se vê mais como um tipo tubarão ou lobo? E segundo, se você fosse um animal, que animal você seria?
Taylor Lautner - Ai rapaz. É desconcertante. Vejamos... Ai cara. Sabe, eu nunca havia pensado nisso antes. Meu personagem em Sharkboy que era metade menino, metade tubarão, ele era tão intenso quanto. Ele era bem semelhante a Jacob, na verdade. Não poderia escolher um ou outro.
Kristen Stewart - Eu faço isso, posso escolher?
Ok.
Kristen Stewart - Definitivamente, definitivamente, um lobo.

Por que?
Porque ele é tão sociável... ele é muito atencioso. E tipo, talvez porque eu tenha feito um filme com ele e talvez o imagine como um lobo. Mas digo, ele é meio que respeitosamente atencioso. E cuidadoso. E acho que essas são um pouco as qualidades de um lobo. E tubarões são assustadores, e não há nada assustador nesse cara.

Kristen, acredito que você tenha ciência do impacto que tem entre os fãs da saga Crepúsculo. Você mudaria algum dia - isso se aplica a ambos - seu comportamento, a maneira como você se veste, como escolhe suas roupas, pelo bem de refletir uma imagem que os fãs projetam em você?
Kristen Stewart - Não.

Nunca?
Kristen Stewart - A única coisa que eu mudaria, definitivamente, é se eles pensassem que Bella fosse...quando você lê o livro, todo mundo terá uma interpretação diferente de quem é essa garota. E se houvesse uma grande resposta, se eu estivesse fazendo algo errado, isso me mataria e eu faria tudo que pudesse para fazer direito para a maioria das pessoas. Ainda que isso seja uma missão impossível, porque "certo", não há "certo" na arte. Mas pedir a alguém fora do que ela faz profissionalmente para mudar o que ela é para fazer pessoas, que ela não conhece, feliz. Dizer sim a isso? Seria muito embaraçoso.

Há vários momentos no livro em que Bella parece estar bem confusa entre o acolhedor e quente lobo e o indiferente e frio vampiro. Você, Kristen, é mais inclinada a gostar de temperaturas quentes ou frias quando se trata de pessoas?
Kristen Stewart - Quando se trata de pessoas? Provavelmente quente. As pessoas ficam: não entendo como Bella gosta de estar ao lado de Edward a toda hora, já que ele é tão frio. Mas toda vez que ela fica perto dele, ela fica tão quente. Que a sensação não é de frio, de gelado. É como é descrito no livro, é como se fosse macio, é uma sensação boa. Então tipo, acho que gostaria mais de quente, se essa é sua pergunta.

Você acha que todo o frenesi de fofoca que cerca você e Robert Pattinson, do ponto de vista de indústria apenas, ajuda a promover o filme?
Kristen Stewart - Perdão, o que ajuda a promover o filme?

O frenesi de fofocas, a mídia.
Kristen Stewart - Acho que inegavelmente isso levanta uma atenção, porque nosso...nosso mundo, não é apenas nos Estados Unidos, isso é algo que pesadamente, pesadamente consumido em tal velocidade que aposto que a maioria das pessoas não saberia de Crepúsculo se eles não tivessem me visto na capa de qualquer coisa rompendo namoro com Rob, ou qualquer coisa assim. Mas não acho isso positivo. Acho que as pessoas sabem disso, mas acho que elas olham pra essas coisas e falam tipo: ahn, tanto faz. Ele fizeram um filme? Sabe o que quero dizer? Gostaria que isso fosse mais focado no trabalho.

Taylor Lautner - Iria acontecer, de um jeito ou de outro.

Kristen Stewart - Sim, iria acontecer.

Uma pergunta final pro Taylor, você chegou a conhecer alguém da tribo indígena de Quilete e se sim, isso te ajudou a desenvolver teu personagem?
Taylor Lautner - Sim, definitivamente. Conheci uns 10 ou 12 membros da tribo quando estava filmando Crepúsculo. Eles desceram de Forks até Portland e pude conversar com eles. Realmente queria conversar com os meninos da minha idade e saber o que eles faziam, pensamentos e tudo, o que eles faziam no tempo livre. Isso me ajudou bastante. Foi interessante.

Muito obrigada.
Kristen Stewart - Obrigada.

|Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...

Ocorreu um erro neste gadget